Facebook Twitter Google + YouTube
Julgamento do alegado homicida de prostituta na Caldeiroa foi adiado

Julgamento do alegado homicida de prostituta na Caldeiroa foi adiado

Judicial19 de Janeiro, 2017 16:07

A sessão de julgamento do homem acusado de matar, por asfixia, uma prostituta, em Guimarães, na Rua da Caldeiroa, marcada para esta quinta-feira, foi adiada sem data.

O adiamento ficou a dever-se à falta do resultado da perícia requerida pela defesa quanto à força de preensão, para apurar se tem força nas mãos capaz de ter estrangulado a vítima. 
O arguido, um vimaranense de 36 anos, está acusado pelo Ministério Público de homicídio qualificado, crime cuja moldura penal vai dos 12 aos 25 anos de prisão. 
Segundo a acusação, o arguido conheceu a vítima em inícios de 2015.
Na madrugada de 5 de Março deste ano, a mulher terá dito ao arguido que queria acabar com o relacionamento amoroso.
Consumado o crime, o arguido tomou banho, deambulou algumas horas por ruas da Cidade, telefonou a duas pessoas dando conta do crime e entregou-se à PSP cerca das 10:20. 
O cadáver foi encontrado pelas 9h00 no dia dos acontecimentos, pela dona da casa onde a vítima vivia. 

 

Vídeos recentesver tudo

Rádio Santiago em Direto

Cantinho do Puff

Farmácias de Serviço

Guimarães

Farmácia Vitória (Permanente)
GuimarãeShopping, Alameda Dr. Mariano Felgueiras, Lj 101/102

Farmácia Faria (Disponibilidade)
R. do Calvário, 201

Vizela

Farmácia São Miguel (Disponibilidade)
Rua Dr. Abílio Torres, 442

As nossas publicações

Desenvolvido por 1000 Empresas

Contactos

Edifício Santiago
Rua Dr. José Sampaio n.º 264
4810-275 Guimarães
Tel.: 253 421 700
Email: geral@guimaraesdigital.com