Curtas
«O sonho de voar», exposição de fotografia Mário Cruz, na Assembleia de Guimarães. Até 29 de Novembro.
«Paisagens silenciosas» na Escola de Arquitectura da Universidade do Minho. Até 29 de Novembro.
Facebook Twitter Google + YouTube
Restam 19 dos 89 refugiados acolhidos em Guimarães

Restam 19 dos 89 refugiados acolhidos em Guimarães

Sociedade14 de Setembro, 2017 11:22

Desde 2015 Guimarães recebeu 89 refugiados. Mas nesta altura, apenas 19 permanecem no nosso Concelho.

Os refugiados chegados no âmbito do consórcio «Guimarães acolhe» que reúne 19 instituições vimaranenses, eram provenientes de diversos países em guerra. Exactamente, 67 adultos da Eritreia, Síria, Iraque, Sudão, Palestina e República Centro Africana. A estes, acrescem 22 crianças, da Eritreia, Síria e Iraque.

Dos refugiados que permanecem em Guimarães, 14 têm entre 20 e 30 anos, quatro entre os 30 e 40 anos e uma criança de seis anos. São diversas as razões para a partida dos refugiados acolhidos em Guimarães: rede de familiares e amigos, comunidades com a mesma identidade, apoio pecuniário superior e salários atractivos.

Entretanto, está prevista a chegada a Guimarães de mais refugiados, desconhecendo-se nesta altura quantos e em que data.

 

Vídeos recentesver tudo

Rádio Santiago em Direto

Cantinho do Puff

Farmácias de Serviço

Guimarães

Farmácia Avenida (Permanente)
Av. D. João IV, 585 r/c

Vizela

Farmácia Ferreira (Disponibilidade)
Avenida Abade de Tagilde, Nº 901

As nossas publicações

Desenvolvido por 1000 Empresas

Contactos

Edifício Santiago
Rua Dr. José Sampaio n.º 264
4810-275 Guimarães
Tel.: 253 421 700
Email: geral@guimaraesdigital.com