Curtas
«Memento - Raimundo Fernandes, um coleccionador de Guimarães», Casa da Memória. Até 4 de Março.
Facebook Twitter Google + YouTube
Obras na igreja de Mascotelos permitiram descobrir imagem de S. Vicente no tecto da nave principal

Obras na igreja de Mascotelos permitiram descobrir imagem de S. Vicente no tecto da nave principal

Cultura31 de Janeiro, 2018 09:35

As obras de reabilitação realizadas na igreja paroquial de Mascotelos permitiram descobrir uma pintura que estava oculta há muitos anos.

Durante o restauro do tecto da nave principal daquele templo surgiram vestígios que permitiram identificar pormenores artísticos antigos. "Resolvemos proceder à beneficiação do tecto original da igreja que tem como representação central S. Vicente, o padroeiro de Mascotelos", revelou o Padre Henrique Ribeiro, precisando que essa descoberta motivou "o restauro de todo o tecto da igreja em conformidade com os bens artísticos antigos detectados".

O pároco de Mascotelos destaca o empenho demonstrado pela Comissão Fabriqueira no restauro do tecto original, tendo o trabalho sido concretizado por técnicos especializados. "A equipa de restauro entendeu que o património teria de ser salvaguardado e apresentava condições para ser recuperado. Foi um trabalho moroso porque prolongou-se por um ano, estando à vista de todos a alegria que constitui ter este património", observou o sacerdote, congratulando-se com as felicitações que chegam à paróquia pelo investimento feito no resgate de um património que permanecia ignorado.

"Os técnicos tiveram um papel determinante no resultado conseguido, porque é uma obra de restauro digna de ser apreciada por quem desejar visitar a igreja que está muito associada à veneração de Santo Amaro e onde se concentram as actividades da romaria", assinalou o Padre Henrique Ribeiro, ao referir que as obras de requalificação da igreja estão praticamente concluídas.

Com a descoberta da imagem de S. Vicente representada no tecto da igreja, o Pároco de Mascotelos realça que o templo que está muito associado à veneração de Santo Amaro também dignifica o padroeiro S. Vicente. "Santo Amaro tornou-se a festa mais importante desta comunidade porque a igreja paroquial foi acolhida precisamente na capela de Santo Amaro, daí a grande ênfase dedicada a Santo Amaro porque a igreja paroquial estava situada em S. Vicente. Em Mascotelos, existe a Rua de S. Vicente e a Quinta de S. Vicente e a igreja estava localizada num monte naquela zona. Por motivos financeiros, os paroquianos não conseguiram proceder ao restauro da igreja e a sede da paróquia foi transferida para a capela de Santo Amaro", elucidou o Padre Henrique Ribeiro, ao considerar que a representação de S. Vicente no tecto da igreja constitui uma afirmação dessa ligação. Aliás, o Santo Amaro é festejado a 15 de Janeiro e a festividade dedicada a S. Vicente realiza-se no dia 22 de Janeiro. 

Fotos: Mário Rodrigues

 

Vídeos recentesver tudo

Rádio Santiago em Direto

Cantinho do Puff

Farmácias de Serviço

Guimarães

Farmácia Horus (Permanente)
Largo do Toural, 26

Vizela

Farmácia Alves (Disponibilidade)
Rua Dr. Abílio Torres, 1078

As nossas publicações

Desenvolvido por 1000 Empresas

Contactos

Edifício Santiago
Rua Dr. José Sampaio n.º 264
4810-275 Guimarães
Tel.: 253 421 700
Email: geral@guimaraesdigital.com