PUB: 7 praias desertas para conhecer em Portugal

Não há dúvidas de que estamos a desconfinar em meio a altas temperaturas e dias longos, condições que nos convidam a passar mais tempo no mar.

No entanto, as praias são sítios que facilmente geram aglomerações, ameaçando o bem-estar coletivo, dado que temos de continuar a manter o distanciamento social sempre que possível.

Se é daquelas pessoas que não abre mão de descobrir novas praias durante o verão, e que reconhece a importância de o fazer em segurança, recomendamos que conheça pelo menos estas 7 praias desertas em Portugal.

Naturalmente, deverá programar tudo com antecedência, convidar apenas um número restrito de pessoas e estar atento às empresas às quais precisará de recorrer para que a viagem corra dentro do normal.

De lembrar que pode facilmente encontrar os números de telefones de apoio ao cliente de diversas empresas através do portal www.telefone-numero.com, o seu catálogo online de canais de apoio ao cliente.

Vamos às nossas 7 recomendações de praias:

  1. Praia do Brejo Largo - Alentejo

Esta é descrita como uma praia de nudistas. É de difícil acesso, tendo o turista de percorrer estradas de terra arenosas para lá chegar. Não possui bares ou vigilância, e há lá sempre pouca gente. As águas são transparentes e calmas e a orla é extensa.

  1. Praia da Murração - Algarve

Esta praia está situada na Vila do Bispo e fica entre duas arribas. É chamada “Joia vicentina” e é uma das raras praias em que a vegetação das dunas se estende até à linha de maré. Não possui bares e é frequentada sobretudo por locais e por pescadores.

  1. Praia de Cacela Velha - Algarve

Esta praia está integrada com o Parque Natural da Ria Formosa e é acessível de barco, durante a maré alta, ou à pé, durante a maré baixa, quando formam-se belas piscinas naturais. A praia não alberga unidades hoteleiras e não dispõe de vida noturna. É apenas para os amantes da natureza.

  1. Praia da Adiça – Costa da Caparica

A apenas 40 minutos de carro de Lisboa, é o sítio perfeito para quem quer descansar na areia sem ter de dividir espaços. É associada à prática do nudismo, mas os difíceis acessos tornam-a num areal vazio. Deve estacionar o carro numa zona de terra batida e caminhar entre 10 a 15 minutos até lá chegar.

  1. Praia das Bicas – Sesimbra

A menos de uma hora de Lisboa, esta praia é procurada sobretudo por praticantes do surf e do bodyboard, que vêm nas águas límpidas e no extenso areal bons motivos para lá irem. O acesso é feito por meio de uma escadaria de madeira que desce a falésia, e a praia quase não tem infra-estruturas.

  1. Praia do Magoito – Sintra

Esta é uma das praias mais próximas de Lisboa e é recomendada para os que não se importam de ficar na areia. As águas são frias e perigosas e o acesso ao areal pode ser feito por uma escadaria ou um passadiço. Nas proximidades há um parque de merendas, para finalizar a tarde com um bom pique-nique.

  1. Praia da Amália - Odemira

Cercada por falésias com grandes extensões de vegetação, constitui-se por um longo areal rochoso e quase sempre vazio. O acesso é à pé e recomenda-se cuidado, além de muita atenção às belezas naturais, sobretudo ao riacho que acompanha o caminho.

em Bigger

Marcações: Ambiente, Sociedade

Imprimir