Miguel Silva: "Trabalho todos os dias para conseguir fazer uma época inteira a titular"



Como está a viver o regresso à titularidade?:
 “Está a saber bem voltar a jogar. Tive um início de época um pouco difícil, apesar de ter sido titular na primeira jornada, agora é bom estar de volta e espero continuar até ao fim.

Esperava voltar a ser aposta de Luís Castro nesta fase da época?: “Sim, porque tenho vindo a trabalhar bem e o mister sempre me deu confiança e sempre me disse que um dia ia regressar. Estou feliz por isso ter acontecido.

Sente maior responsabilidade por este regresso ter acontecido nesta fase da temporada?: “Não. Tenho trabalhado bem, a minha cabeça está limpa e tenho é me focar nos jogos.”

Acredita que vai manter este nível até ao final da época?: “Esse é o meu foco, continuar a ajudar a equipa porque estamos dentro dos objectivos. Espero ajudar a equipa a concretizar as suas metas.”

Foi titular pela primeira vez há três épocas, numa evolução intermitente. Acredita que vai assumir-se como titular indiscutível da baliza vitoriana?: “Trabalho todos os dias para conseguir fazer uma época inteira a titular e o meu foco é esse. Somos três guarda-redes que trabalhamos todos os dias no limite, a opção do mister pode ser por qualquer um. O meu foco é trabalhar cada vez sempre mais para conseguir fazer uma época inteira.

Como analisa a prestação da equipa?: “Estamos dentro dos nossos objectivos, é nisso que estamos focados. Vamos continuar a trabalhar par fazer o melhor que temos nos nove jogos pela frente.”

A margem de erro é curta nesta altura?: “Sim, claro. Cada vez há menos jogos e temos menos margem para errar para conseguir os nossos objectivos.

Se o Vitória falhar o 5.º lugar que conclusão retiram?: “O nosso objecivo sempre foi esse, se não conseguirmos o 5.º lugar é uma época menos conseguida da nossa parte. Mas, com certeza vamos conseguir esse objectivo.

O Belenenses assumiu a candidatura aos lugares europeus, isso traz algo de novo à forma como vão encarar estes nove jogos?: “O nosso foco está em nós, em fazer o melhor nos nove jogos que faltam. Nós estamos preocupados connosco.”

O facto do Moreirense, 5.º classificado, estar fora da possibilidade de se qualificar para as competições europeias abre boas perspectivas?: “O nosso foco continua a ser o 5.º lugar, abrindo ou não mais uma vaga isso não faz diferença porque vamos em busca do 5.º lugar."

Jogar em casa com o Belenenses pode ser um ponto a favor?: “Sim, é a nosso favor porque jogamos no nosso castelo, com a nossa massa-associativa, que nos ajuda muito em todos os jogos.

O que espera do jogo com o Boavista?: “Queremos ganhar os três pontos, fazendo o melhor durante os 90 minutos.” 

Que dificuldades esperam diante de um adversário que luta pela permanência?: “Os jogos começam a tornar-se mais difíceis, ainda para mais com as equipas que precisam de pontos para sair dos lugares de despromoção. Mas, nós também precisamos de pontos para concretizar os nossos objectivos. Vamos ter uma grande batalha pela frente, já jogamos contra eles e percebemos que não é fácil e estamos precavidos.

Jogar esta época no Estádio D. Afonso Henriques, com o estatuo de equipa menos batida em casa, dá maior conforto?: “É um conforto. Temos os nossos adeptos, uma massa que nos apoia. É sempre um conforto jogar em casa”

Marcações: Vitória Sport Clube, Miguel Silva

Imprimir Email