Vitória apresentou Ivo Vieira: "Temos a certeza que estará à altura"



A Administração da SAD do Vitória apresentou, esta terça-feira, o treinador Ivo Vieira, sucessor de Luís Castro no comando da equipa técnica.

Na equipa técnica, Ivo Vieira contará com Miguel Romão e Pedro Andrade, com quem trabalhou na época passada em Moreira de Cónegos, assim como com Nuno Pinto, preparador-físico do Nacional da Madeira no último ano.

Transitam da temporada transacta Jorge Silva (treinador de guarda-redes), Moreno (treinador-adjunto) e Vítor Martins.

Os vice-presidentes Armando Marques e Hugo Freitas marcaram presença na sala de imprensa, onde estiveram igualmente os empresários de Ivo Vieira, os ex-jogadores Paulo Madeira e Bruno Basto,

Júlio Mendes reiterou a ideia de que “a escolha recaiu sobre Ivo Vieira depois de um processo de análise criterioso por parte do Conselho de Administração da SAD. Uma escolha por unanimidade do Conselho de Administração da SAD, que é um órgão colegial.”

“Várias características e factores foram levados em linha de conta nesta escolha. Um aspecto preponderante foi o facto de ser um treinador jovem, com grande ambição, de forte carácter. A ambição caracteriza também o nosso clube, porque este clube quer fazer mais e crescer. O mister Ivo Vieira irá com certeza interpretar essa forma de sentir. Tem conhecimento da nossa realidade, tem consciência que treinar o Vitória é uma tarefa muito exigente, muito difícil, mas temos a certeza que estará à altura e vai fazer um trabalho de excelência. Temos a certeza que estará à altura e conseguirá ultrapassar marcas e bater recordes do passado recente do clube”, acrescentou.

O presidente do Conselho de Administração da SAD disse ainda que Ivo Vieira “tem um desafio inicial de alguma exigência, não é algo de novo para o clube porque é a quarta participação nas competições europeias. Disputar eliminatórias ara ter acesso à fase de grupos da Liga Europa é muito exigente, mas estamos convencidos que o mister Ivo Vieira, com a sua equipa técnica, vai ser capaz de fazer o seu melhor e de conseguir o apuramento para a fase de grupos, que a todos nós vai orgulhar.”

Júlio Mendes notou que o contrato tem validade de apenas um ano porque “face ao momento pareceu-nos a nós e ao treinador que não seria ético comprometer a próxima Administração com um contrato superior a um ano. O Ivo Vieira vai demonstrar as suas capacidades, quem nos suceder tomará outras decisões sobre o futuro, que acredito que será de continuidade.”

em Desporto

Marcações: Júlio Mendes, Vitória Sport Clube, Ivo Vieira

Imprimir