Vitória pagou 3,6 milhões de euros em comissões a empresários



A SAD do Vitoria desembolsou 3,6 milhões de euros em comissões a empresários, no período entre 1 de Abril de 2019 e 31 de Março de 2020.

De acordo com os dados revelados pela Federação Portuguesa de Futebol, o Vitória foi o quarto clube português a gastar mais dinheiro em comissões a empresários, apenas atrás do Benfica, FC Porto, Sporting e Sp. Braga. Os valores reportam-se ao pagamento de serviços relacionados com a intermediação em momentos de contratação, renovação ou mesmo de venda de ativos do plantel.

Os clubes portugueses das I e II Ligas profissionais de futebol, e alguns emblemas de futebol feminino, pagaram 83,650 milhões de euros em comissões a empresários. A SAD do Benfica pagou 34,2 milhões de euros entre 1 de Abril de 2019 e 31 de Março de 2020, o valor mais alto em Portugal, a que acrescem ainda cerca de 59 mil euros pagos pelo clube 'encarnado' (e não pela SAD) por jogadoras para a equipa feminina.

Logo atrás do Benfica está o FC Porto, com 23,7 milhões pagos a intermediários, seguindo-se o Sporting, com 15,9 milhões, o que significa que, dos 83,650 milhões, os três grandes são responsáveis por 73,8 milhões, ou seja, mais de 88% do valor total.

Os rivais minhotos Vitória e Sp. Braga gastaram ambos mais de três milhões, com 3,6 milhões para os vitorianos e com 3,29 milhões para a SAD dos bracarenses.

Na lista apresentada pela Federação Portuguesa de Futebol, o Moreirense gastou 30 mil euros em serviços relacionados com a intermediação em momentos de contratação, renovação ou mesmo de venda de ativos do plantel.

Marcações: Vitória Sport Clube, Moreirense Futebol Clube, Federação Portuguesa de Futebol

Imprimir Email