Ricardo Soares: “Algum dia o Sporting vai ter que perder"



Ricardo Soares reconheceu que o jogo com o Sporting, que esta segunda-feira encerra a 30.ª jornada da I Liga, será de grau de dificuldade para o Moreirense, mas garantiu que a sua equipa vai procurar dar continuidade aos bons resultados.

Que jogo espera frente ao Sporting?: “Espero um grande jogo de futebol, com muita qualidade, com duas equipas que atravessam um bom momento. Vai ser um jogo emotivo, que vai prender as pessoas à cadeira. O Sporting é um adversário que tem vindo a melhorar de jogo para jogo, com um treinador que está a cimentar o seu processo de jogo. É uma equipa que tem jovens de muita qualidade, alguns deles estão a iniciar a sua etapa no profissionalismo, juntamente com outros que têm provas dadas. O importante para nós é o que controlamos e a minha equipa sabe o que tem de fazer para conseguir um bom resultado”.

Que armas tem o Moreirense para travar o Sporting?: “Algum dia o Sporting vai ter que perder. O percurso do Sporting deves-se à qualidade do treinador e dos seus jogadores, com o apoio da estrutura. Esta conjugação de fatores leva a que os clubes ganhem mais vezes do que percam. É mais um jogo que vamos tentar vencer, sabendo que vamos defrontar um grande do futebol nacional. Se o Sporting não estiver num dia bom e nós um excelente, podemos vencer”.

O Moreirense e o Sporting têm revelado duas defesas competentes no pós retoma: “Cada treinador tem a sua linha de orientação, segue o seu caminho, para que a equipa seja eficaz. Quero que as minhas equipas sejam competentes. Nos últimos 11 jogos sofremos um golo de bola corrida e os restantes surgiram em cantos e penáltis. É fruto de uma grande capacidade e compromisso dos jogadores, são números que fazem sentido a partir do momento em que conquistamos pontos que nos ajudam a concretizar os objetivos colectivos. Uma coisa é treinar o Moreirense, outra uma equipa grande. As equipas grandes estão sempre mais perto de marcar mais e sofrer menos. Vejo os meus jogadores com muita vontade de vencer”.

Alterações que tem realizado no 11 com resultados positivos: “Os resultados têm sido assertivos. Não há segredos, mas com um conjunto de jogadores que trabalham com muita qualidade, isso faz a diferença porque quando são chamados dão grande respostas. Tudo é decisivo para o futebol, até porque temos um conjunto de tecnologia que nos ajuda todos os dias para preparar todos os aspetos do jogo, seja do ponto de vista físico ou mental. O detalhe faz toda a diferença, quem errar menos está mais perto de vencer. Os treinadores portugueses são muito competentes, isso é reconhecido lá fora, preocupamo-nos com tudo o que envolve um jogo de futebol”.

A chave do sucesso da época?: “Começa logo pelo clube, que nos dá boas condições para realizar um bom trabalho, há um conjunto de departamentos e pessoas que são importantes nas conquistas. O importante é que o clube continue com esta força e saúde, que possa conquistar o máximo de pontos para alcançar o melhor resultado possível”.

Baixas para o jogo com o Sporting: “Fábio Pacheco e Texeira. O Fábio Pacheco teve um problema no último treino. Podia dar para este jogo, mas entendemos que devemos colocá-lo a descansar. Para recuperar melhor, o ideal é descansar. O Texeira tem uma contusão um joelho, não pode dar o contributo à equipa”.


em Desporto

Marcações: Sporting, Moreirense Futebol Clube, Ricardo Soares

Imprimir