Armando Jorge não apoia cenário para regresso que está em cima da mesa



O treinador do Amigos de Urgeses entende que “não faz sentido” os campeonatos da Associação de Futebol de Braga serem retomados no contexto que tem sido avançado. Defensor do arranque das provas no início da temporada, Armando Jorge assume, sem rodeios, que os clubes não devem ser sujeitos ao plano que está a ser delineado. “Fui sempre um defensor que os campeonatos deviam começar nas datas inicialmente estipuladas pela Associação, mas começaram logo por atrasar a competição por 15 dias. Os clubes não ajudaram muito, porque simularam testes positivos e não estavam com a necessária determinação para jogar. Depois desta paragem e olhando para um calendário de datas disponíveis que é curto, acho que se deve mesmo terminar nesta altura e arrancar apenas na próxima época, com mais segurança, possivelmente com níveis de imunidade no País a favorecer toda a gente e com garantias de que se pode trabalhar com as condições necessárias”, adianta.

Para Armando Jorge, o plano traçado pela Direcção da Associação de Futebol de Braga “não faz sentido”. “O campeonato arrancou com um figurino previsto. Uma vez que não há possibilidade de o cumprir dessa forma, não se deve competir. Acredito que será possível encontrar uma solução para as equipas do Pró-Nacional que estão na luta pela subida ao Campeonato de Portugal, quanto ao resto não vejo necessidade de se competir nestas condições. O melhor é mesmo cancelar tudo e arrancar de novo”. Dos jogadores, o treinador espera "uma resposta pronta" se for necessário voltar a competir, porque, argumenta, "são jovens e têm muita vontade de regressar aos relvados o mais cedo possível. Mas, sabem que será preciso uma pré-época se voltarmos a competir".

Conhecedor da realidade do Futebol Distrital, Armando Jorge entende que a próxima época “irá trazer muitas dificuldades” para vários clubes. “O contexto actual é muito difícil, há clubes que podem ter muitos problemas. A própria Associação deve estar a viver momentos difíceis. É um contexto complicado, do qual ainda iremos demorar muito tempo a recuperar”.

Marcações: Associação de Futebol de Braga, Armando Jorge, Amigos de Urgeses

Imprimir Email