Guimarães é o concelho com mais escolas distinguidas pela reutilização de manuais escolares

Os Agrupamentos de Escolas Virgínia Moura, Taipas e Abação estão entre as 20 escolas a nível nacional que mais reutilizaram manuais escolares. Condição que mereceu aos Agrupamentos em prémio de 10 mil euros. A sessão de entrega de prémios às 20 escolas públicas que mais manuais escolares reutilizaram decorreu ontem, na Escola Francisco de Holanda, com a presença da Secretária de Estado da Educação, Susana Amador.

Integrado na campanha Escola Mega Fixe, o prémio foi criado pelo Governo no sentido de “promover a sustentabilidade económica e sustentabilidade ambiental”, salientou a Secretária de Estado, confiante no sucesso desta estratégia.
Guimarães é o concelho com mais escolas distinguidas nesta campanha, com uma taxa de reutilização superior a 77%, tendo sido premiados o Agrupamento de Escolas Virgínia Moura (78,71%), Agrupamento de Escolas das Taipas (78,34%) e Agrupamento de Escolas de Abação (77,7%).

Além do prémio em dinheiro, no valor de 10 mil euros, às 20 escolas que mais manuais escolares reutilizaram, foi ainda entregue um selo para distinguir 100 escolas que apesar de não chegarem às taxas destas 20 escolas revelaram taxas de reutilização acima dos 60%. O ranking definido pelo Ministério da Educação resulta do cálculo feito a partir do número de manuais que cada escola regista no portal dos manuais, através da plataforma MEGA, onde são feitas as “encomendas”.

A Vereadora da Educação da Câmara Municipal de Guimarães, Adelina Pinto, mostrou-se “satisfeita” pelo exemplo das escolas vimaranenses na forte adesão à campanha de reutilização de manuais escolares.

Marcações: reutilização de manuais escolares

Imprimir Email