MP de Guimarães indicia homem pelo crime de homicídio na forma tentada

O Ministério Público do Tribunal de Guimarães acusou um homem da prática de um crime de homicídio na forma tentada.
De acordo com a acusação, os factos ocorreram no dia 13 de Maio, quando dois homens combinaram encontrar-se em Braga para se confrontarem na sequência de um desentendimento provocado pela troca de mensagens entre ambos nas redes sociais.

Ainda segundo o Ministério Público, os dois homens fizeram-se acompanhar de conhecidos prevendo a possibilidade do encontro poder degenerar em violência.
Na acusação, o Ministério Público refere que o arguido levou consigo uma pistola transformada de calibre 6.35mm e um aerossol de defesa.
O Ministério Público considerou indiciado que no decurso do encontro os dois se desentenderam e que depois de ter sido esbofeteado pelo outro indivíduo, o arguido procurou alvejá-lo a tiro com a arma que portava, só não o logrando por esta ter encravado.

Na consequência destes factos, o Ministério Público deduziu acusação contra o arguido imputando-lhe a prática de um crime de homicídio na forma tentada, agravado pelo uso de arma, e de um crime de detenção de arma proibida.


Marcações: Ministério Público, homicídio

Imprimir Email