GNR recupera material furtado no valor de 15 mil euros

O Comando Territorial de Braga, através do Núcleo de Investigação Criminal de Guimarães, identificou um homem de 33 anos, pelo crime de furto e receptação, em São João de Ponte.

Na sequência de uma investigação despoletada por um furto em estabelecimento comercial de mobiliária, ocorrido no início do ano de 2019, em São João da Ponte, os militares deram cumprimento a quatro mandados de busca, dos quais dois a residências e outros dois a veículos, culminando na recuperação de material furtado no valor estimado de 15 mil euros.

O suspeito tentou vender o material através de uma plataforma electrónica, que acabou por ser reconhecido pelo proprietário, o que permitiu a identificação do autor da subtracção.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Guimarães e o material recuperado será devolvido ao legítimo proprietário.

em Judicial

Marcações: GNR, S. João Ponte

Imprimir