• Informação

Talvez ficção

Consigo imaginar como se inventa um tema musical, assim como consigo entender como nasce e como se excuta obra de artes plásticas. Porém a génese dos romances, dos bons romances, continua a ser para mim algo de prodigioso, pela capacidade de imaginação e inventiva que revela.

Continue a leitura

Imprimir Email

O Professor Freitas do Amaral

Recebi e vivi a revolução de Abril de 74 com a alegria entusiasmante que a generalidade dos jovens do meu tempo, receberam, sentiram e viveram.Recebi e vivi a revolução de Abril de 74 com a alegria entusiasmante que a generalidade dos jovens do meu tempo, receberam, sentiram e viveram.

Continue a leitura

Imprimir Email

O jogo da glória 

“A nossa ignorância permitia-nos viver, tal como quando estamos numa montanha e a corda está gasta e prestes a rebentar, mas nós não sabemos e prosseguimos a escalada.”
Primo Levi. O sistema periódico. 1975. 

Continue a leitura

Imprimir Email

A Democracia

“A democracia é a pior forma de governo com exceção de todas as outras”.“A democracia é a pior forma de governo com exceção de todas as outras”.

Continue a leitura

Imprimir Email

Festival

Depois de um Verão repleto de concertos, o que permanecerá comigo é a simplicidade e a honestidade das músicas dos Spiritualized (...). O corpo saiu, mas a cabeça permanece no anfiteatro verde de Paredes de Coura neste concerto que foi uma viagem espacial, uma pista de dança, o confessionário de uma igreja.”
Hugo Geada. Ipsílon/Público. 23.08.19.

Continue a leitura

Imprimir Email

Gualterianas, as Festas da Cidade

Da mais pequena e recôndita aldeia à mais importante vila ou cidade deste país, não há terra que se preze que não tenha, nos seus pergaminhos, a sua festa.Da mais pequena e recôndita aldeia à mais importante vila ou cidade deste país, não há terra que se preze que não tenha, nos seus pergaminhos, a sua festa.

Continue a leitura

Imprimir Email

O Motim

““A cidade está deserta/E alguém escreve o teu nome em toda a parte/Nas casas, nos carros, nas pontes, nas ruas/Em todo o lado essa palavra repetida/Ao expoente da loucura/Ora amarga, ora doce/Para nos lembrar que o amor é uma doença/Quando nele julgamos ver a nossa cura.” ““A cidade está deserta/E alguém escreve o teu nome em toda a parte/Nas casas, nos carros, nas pontes, nas ruas/Em todo o lado essa palavra repetida/Ao expoente da loucura/Ora amarga, ora doce/Para nos lembrar que o amor é uma doença/Quando nele julgamos ver a nossa cura.”
Ornatos Violeta. Ouvi Dizer. 1999.

Continue a leitura

Imprimir Email

REGIONALIZAÇÃO versus DESCENTRALIZAÇÃO

A palavra democracia é um étimo derivado dos gregos demos (povo) e kratos (poder), ou seja e literalmente, poder do povo; noção que genericamente se identifica com governo do povo.
Sem se ir mais longe e calcorrear um longo trajecto que se aponta como iniciado numa idealizada Atenas do século V a.c., é, sobretudo e para esta Europa, um conceito que tende a construir-se a partir da Revolução Francesa e da sua Déclaration des Droits de l’Homme et du Citoyen (sem esquecer a algo anterior United States Declaration of Independence). Assim, forma de governança antiga e,

Continue a leitura

Imprimir Email

O «estrondo»

Ainda em tempo de férias, é incontornável não se abordar a greve dos sindicatos Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP - fundado em Novembro de 2018) e Independente de Motoristas de Mercadorias (SIMM); e sequelas.
Mas, não, para se versar a concepção e institucionalização do direito à greve, ou a dos condicionamentos legais de salvaguarda do interesse público perante situações dessas, ou e muito menos, o historial objectivo dos acontecimentos e as razões a eles subjacentes, isto é, o efectivo conflito que está por detrás do ocorrente.
Nada disso!

Continue a leitura

Imprimir Email

Largo da Oliveira, melhor que nunca

Como habitualmente, em especial nesta época de verão, passo muito tempo no Largo da Oliveira.Como habitualmente, em especial nesta época de verão, passo muito tempo no Largo da Oliveira.Boa parte dele passo-a a ler mas, sobretudo, a observar quem ali está e, muito particularmente, quem por lá passa. A imensa maioria, são turistas, tanto nacionais como estrangeiros.

Continue a leitura

Imprimir Email

Reciprocidade

Guimarães foi designada como Capital Europeia da Cultura para 2012, em resultado da sua grande pujança cultural, que havia tempos se vinha projetando muito para além dos limites do concelho vimaranense e de Portugal e atraiu as atenções das entidades envolvidas na escolha das localidades que, naquele ano, haveriam de ser o centro da cultura na Europa. Além de Guimarães, em 2012 igualmente foi designada a cidade eslovena de Maribor.

Continue a leitura

Imprimir Email