Deputados do PSD apresentaram programa para seguir neste mandato...

Os vereadores do PSD de Guimarães apresentaram esta tarde, em conferência de imprensa, as principais linhas de actuação a seguir durante este mandato. Uma apresentação que tem também como linha de conta o facto de, a partir de agora, os vereadores passarem a usar o gabinete atribuído pela Câmara aos vereadores da oposição. Um gabinete que, de acordo com Alves Pinto, é, essencialmente, da população.
De resto, é intensão dos vereadores social-democratas baterem-se pela
defesa intransigente dos interesses de Guimarães e das suas populações. Daí que o partido esteja atento aos investimentos do Governo Central, precisamente numa altura em que as legislativas antecipadas poderão conduzir a um novo Governo. Ainda tendo como base o princípio da defesa dos vimaranenses, Rui Victor Costa fez referência à questão do urbanismo e à cidade dos 100 mil habitantes que o Presidente da Câmara acredita que viremos a ser. Neste aspecto, o referido vereador salientou que tal só será possível se, por exemplo, o preço das habitações "baixar".
Entretanto, os vereadores social-democratas, afirmaram durante o encontro com os jornalistas, ainda não ter havido tempo suficiente para
analisar convenientemente o plano e orçamento apresentado pela Autarquia para este ano. No entanto, Rui Victor Costa não deixou de fazer referência à fatia que vai caber ao Euro 2004. Neste sentido, a quantia em que se aposta só fará sentido se "se apostar nas acessibilidades".
Alves Pinto aproveitou ainda esta conferência de imprensa para fazer
referência a uma afirmação de António Magalhães na qual disse que houve militantes social-democratas que financiaram a campanha eleitoral do Partido Socialista. Alves Pinto diz que já foram, através de uma carta, pedidos esclarecimentos ao Edil vimaranense...Pelo que o PSD aguarda a resposta. Caso contrário, a questão será resolvida tendo em conta as vias legais.
Refira-se que, de uma forma intercalar, os vereadores do PSD de Guimarães estarão todas as sextas-feiras de manhã no gabinete atribuído pela Câmara à oposição para auscultar os problemas dos vimaranenses.

em Política

Marcações: Política

Imprimir