Greve dos enfermeiros regista adesão de 53% no Hospital de Guiimarães


A adesão à greve dos enfermeiros no Hospital de Guimarães ronda os 53 por cento, segundo dados do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses.
A paralização atinge hoje os blocos operatórios e as cirurgias de ambulatório.
Os enfermeiros iniciam esta quarta-feira o primeiro de seis dias de greve para exigir ao Governo que apresente uma nova proposta negocial da carreira de enfermagem que vá ao encontro das expectativas dos profissionais e dos compromissos assumidos pela tutela.

O protesto prossegue amanhã com greve geral, na terça-feira a paralisação volta a afectar os blocos operatórios e as unidades de ambulatório. Na quarta-feira, afectará todos os serviços hospitalares menos o bloco operatório e as unidades de ambulatório. No dia seguinte, a greve ocorrerá nos centros de saúde e, finalmente, na sexta-feira, dia 19, com greve geral.

Marcações: greve, enfermeiros

Imprimir Email