Obra de requalificação da Urgência do Hospital precisa de acordo com a NVE


Ainda é desconhecida a data para o início da obra de requalificação do Serviço de Urgência do Hospital da Senhora da Oliveira. Segundo O Comércio de Guimarães, depois do visto do Tribunal de Contas, agora falta estabelecer um entendimento entre a Administração do Hospital e a empresa que venceu o concurso. A NVE pretenderá uma revisão do preço adjudicado, invando o tempo que decorreu entre a adjudicação e o visto do Tribunal de Contas, sendo que o concurso foi lançado em Dezembro de 2016, tendo a adjudicação ocorrido em 5 de Dezembro de 2017.

Questionada pelo Grupo Santiago, a NVE diz que se encontra a "dialogar com a Administração do Hospital", escusando-se nesta altura a comentar publicamente questões de natureza contratual. A NVE acrescenta que "enquanto empresa sediada em Guimarães, tem noção da importância que a obra em questão tem para toda a região, pelo que é seu desejo e intenção que os trabalhos possam ficar concluídos com a brevidade possível, com integral respeito pelas normas e leis aplicáveis".

A obra de requalificação do Serviço de Urgência do Hospital foi adjudicada por cerca de três milhões de euros e tem um prazo de execução de 52 semanas. A intervenção vai decorrer em duas fases. Numa primeira serão ampliadas as instalações em cerca de mil m2, numa segunda fase será intervencionada a área do actual Serviço de Urgência.
O Hospital da Senhora da Oliveira serve uma população estimada em cerca de 260 mil pessoas.

Marcações: urgência

Imprimir Email