Hospital realizou primeiro implante de endoprótese expansível por balão


Uma equipa do Serviço de Angiologia e Cirurgia Vascular do Hospital da Senhora da Oliveira Guimarães realizou o primeiro implante de endoprótese expansível por balão em Portugal. Deste implante resultou o tratamento, com sucesso, de aneurisma complexo aorto-íliaco do doente prevenindo a sua ruptura e preservando a circulação pélvica.
Esta endoprótese é indicada para o tratamento da doença oclusiva aterosclerótica, um tipo de doença arterial periférica que afeta as artérias ilío-femoro-poplíteas que fornecem sangue à parte distal do corpo. Adicionalmente, a mesma endoprótese também é indicada para procedimentos de prolongamento para aneurisma ilíaco e ainda para tratamento de aneurismas da aorta abdominal.

Marcações: implante, endoprótese expansível por balão

Imprimir Email