Trabalhadores não docentes em greve

A greve dos trabalhadores não docentes das escolas está, para já, em Guimarães, a provocar o encerramento das Escolas Egas Moniz, João de Meira, D. Afonso Henriques em Creixomil, EB 2, 3 de Pevidém. Segundo apuramos, a falta de funcionários levou a direcção a encerrar os dois estabelecimentos de ensino. Nas escolas Francisco de Holanda, Martins Sarmento, Secundária das Taipas e Secundária da Veiga, EB 2, 3 de Moreira de Cónegos as aulas estão a decorrer normalmente.
Os trabalhadores não docentes reclamam a transição efectiva para as novas carreiras e a vinculação dos que estão com contrato administrativo de provimento.
Para pressionar o Ministro da Educação a publicar a regulamentação
do estatuto do pessoal não docente e os quadros de vinculação regionais, os trabalhadores em greve deslocam-se a Lisboa para uma concentração junto ao ministério.

Marcações: Sociedade

Imprimir Email