Filha de emigrantes de Guimarães sofre queda em França e está em morte cerebral



Uma criança de cinco anos filha de emigrantes vimaranenses em França está em morte cerebral depois de uma queda sofrida em Paris. Segundo o JN a criança caiu de um muro quando estava com a mãe a tirar uma foto na zona da torre Eiffel.
Tudo aconteceu no passado dia 2 e apesar de ter sido assistida no local, desde então a criança está internada num hospital em morte cerebral.
A pequena Sara é filha de emigrantes naturais de S. Lourenço de Sande e S. Clemente de Sande.

Marcações: Dia Mundial da Criança, Paris, morte cerebral, Torre Eiffel

Imprimir Email