Partiram de Guimarães para Moçambique três contentores de solidariedade para as vítimas do ciclone Idai



Partiram esta quarta-feira de Guimarães com destino a Moçambique três contentores de ajuda solidária para a população afectada pelo ciclone Idai. Salientando que ainda há bens para mais três contentores, Emanuel Guimarães, da organização da campanha, diz que a solidariedade de pessoas e empresas, "ultrapassou todas as expectativas". 
Ainda de acordo com Emanuel Guimarães nos bens doados há de tudo um pouco, especialmente roupa, mas também medicamentos, tendas e lanternas, entre muitos outros artigos que serão, suguramente, importantes para minimizar as perdas da população da cidade da Beira.
Encerrada a recolha de bens, Emanuel Guimarães salienta ser gratificante trabalhar com o propósito de minimizar as necessidades de quem perdeu tudo com o ciclone.

Marcações: solidariedade, Moçambique, contentores

Imprimir Email