VÍDEO: Silvares no epicentro dos estruturantes para a rede viária do concelho de Guimarães

As obras de desnivelamento da rotunda de Silvares não pararam durante o estado de confinamento e a escavação para o túnel aberto deverá iniciar-se na próxima semana.

Quem passa na rotunda de acesso à auto-estrada, já se apercebe das movimentações de terras necessárias aos trabalhos preparatórios para a execução da tão esperada obra de arte que vai facilitar a circulação rodoviária naquela zona do concelho de Guimarães.

Neste regresso gradual à nova realidade, em certos momentos do dia, há alguma lentidão na circulação rodoviária em praticamente todos os canais de acesso à rotunda.

As novas faixas laterais já estão criadas para futuramente permitirem minimizar os inconvenientes para a fluidez do trânsito, que mesmo assim irá sentir constrangimentos.

A obra de desnivelamento começou em Fevereiro e tem o prazo de execução de cerca de um ano...

Ao longo dos próximos meses, Silvares será o epicentro da revolução nas acessibilidades ao concelho de Guimarães, com o aparecimento de vias alternativas às actuais.
Já estão no terreno as obras da mini-variante que ligará o Reboto a Mouril, entre a rotunda situada na antiga Estrada Nacional 310 e a rotunda do Reboto, na freguesia de São Martinho de Candoso. 

O prazo de execução da obra é de um ano, num investimento a rondar um milhão de euros, com o objectivo de "proporcionar a melhoria no acesso à Cidade Desportiva

Esta mini-variante surge junto ao viaduto da auto-estrada A11 e irá encaixar na Rotunda de Mouril, numa extensão aproximada de 400 metros. O projecto contempla duas faixas de circulação, passeio, jardim e a continuação da ciclovia...

As acessibilidades têm ainda um terceiro pólo de intervenção, com a construção da segunda fase da Variante de Silvares, na área envolvente às traseiras da igreja paroquial. A via ligará a rotunda do Pinheiro Manso até à rotunda de Mouril, sendo a execução da responsabilidade de privados, prevendo-se a instalação de um retail park, com grandes espaços comerciais, e aparcamento para 400 viaturas. O perfil das faixas de rodagem já está definido nos solos e é visível na área paralela ao acesso à portagem da auto-estrada.

Ao todo, a zona de Silvares prepara-se para assistir ao longo deste ano ao desenvolvimento de quatro projectos estruturantes para a rede viária concelhia... É que está também prevista a construção da ligação entre a Rua do Corgo e a Rua da Gandra, no âmbito do contrato de urbanização da Plataforma de Terciarização.

em Sociedade

Imprimir