Comissão Europeia define Guimarães como uma das 100 Cidades Inteligentes



Guimarães foi seleccionada para participar no desafio das Cidades Digitais, em 2018, pela Comissão Europeia, convidando-a a tornar-se mais verde, mais social e mais inteligente. Em 2020 recebeu a distinção das «100 Cidades Inteligentes» através da iniciativa Intelligent Cities Challenge (ICC), revelou o Município vimaranense em comunicado.

Este novo desafio despertou manifestações de interesse de mais de 192 cidades de 20 países da União Europeia e Reino Unido, com o objectivo de dar a oportunidade única a 100 cidades a juntarem-se numa comunidade inteligente, para partilha de experiências e fomentar a utilização de soluções tecnológicas avançadas, para as orientar na direcção de um crescimento sustentável e inteligente, apoiando os seus centros urbanos nos domínios da sustentabilidade ambiental e da melhoria da qualidade de vida dos cidadãos através de programas especializados e personalizados durante 30 meses.

Guimarães integra assim o rol das 88 cidades seleccionadas, que desenvolverão estratégias de inteligência urbana através da promoção da implementação de soluções adaptadas à singularidade da cidade e que visem a redução de emissões de gases com efeito de estufa, a criação de novas oportunidades para os cidadãos, a sustentabilidade, a responsabilidade social e a melhoria da qualidade de vida.


em Sociedade

Marcações: Guimarães, Comissão Europeia, Cidades Inteligentes

Imprimir