Protecção Civil emitiu alerta para elevado risco de incêndios rurais em Guimarães

O Serviço Municipal de Protecção Civil e o Gabinete Técnico Florestal, da Câmara de Guimarães, emitiram um aviso à população, alertando para o perigo de incêndio rural, restringindo até às 23h59 de amanhã a restrição de utilização de fogo em diferentes actividades.

No documento, pode ler-se:

"De acordo com a informação meteorológica disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se um quadro meteorológico adverso para os próximos dias caracterizado por manutenção de tempo quente e seco, concretamente:
• Temperatura máxima com subida gradual nos próximos dias, valores entre 33ºC e os 38ºC;
• Humidade Relativa do Ar com valores abaixo dos 20% e com fraca recuperação nocturna;
• Vento do quadrante leste, fraco a moderado (até 30 km/h).

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:

• Condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios rurais.

O SMPC e o GTF, de acordo com as disposições legais em vigor, determinam até às 23h59 do dia 16 de julho restrição de:

• Realização de queima de sobrantes e queimadas;
• Realização de fogueiras para recreio ou lazer, ou para confeção de alimentos;
• Utilização de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confecção de alimentos;
• O lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes e fogo-de-artifício;
• Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem;
• A fumigação ou desinfestação em apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas".


Marcações: Guimarães, incêndio, Protecção Civil, alerta

Imprimir Email