Taxista encontrado morto em S. João de Ponte

Foi esta tarde encontrado sem vida um taxista de 62 anos. O corpo de Carlos Artur Ribeiro foi encontrado por volta das 17 horas, no Monte da Ínsua, em S. João de Ponte O corpo de Carlos Artur Ribeiro foi encontrado por volta das 17 horas, no Monte da Ínsua, em S. João de Ponte, dentro do táxi e com uma garrafa de whisky por perto. Desta feita, e porque não há quaisquer indícios de
violência, tudo leva a crer ter-se tratado de um suicídio com ingestão de
bebida juntamente com alguns medicamentos.
A família não encontra explicações para o sucedido. Em entrevista ao guimaraesdigital, o genro da vítima, Armando Filipe, afirmou que este trágico acontecimento apanhou toda a família de surpresa. Carlos Artur Ribeiro vivia nas Caldas das Taipas e trabalhava na praça de táxis em S.
João de Ponte, junto à Igreja.

em Sociedade

Marcações: Sociedade

Imprimir