Luís Castro: "A audácia tem de estar sempre dentro de nós"



Luís Castro espera que o Vitória possa regressar aos triunfos na recepção ao Santa Clara, da 10.ª jornada da 1.ª Liga, marcada para domingo, às 15 horas.

O treinador, que não vai poder contar com Celis, que se lesionou, juntando-se a Wakaso nas baixas para o meio-campo, destacou esta sexta-feira que “o Santa Clara tem feito um trajeto muito bom, o João conseguiu nesta primeira fase do campeonato bons resultados, que animaram a equipa, que tem demonstrado capacidade de finalização. Vamos apanhar uma tarefa difícil para desmontar.” “Olhamos para o Santa Clara como uma equipa que está a provocar sensação no campeonato, o futebol da 1.ª Liga não esperava que eles aparecessem tão fortes, mas fica aqui demonstrado que quando há qualidade, vontade e organização as equipas podem apresentar esses resultados positivos”, acrescentou.

Luís Castro espera contar com uma equipa mais forte nos momentos de concretização: “Empatamos dois jogos com grau de dificuldade elevada, mas a equipa soube ir para eles de forma aberta e a querer mostrar que queria vencer. Nos dois jogos fomos ousados em campo e criamos oportunidades. Com o Sp. Braga tivemos três ou quatro oportunidades de golo mais claras, no Bessa foram cinco. Num contexto muito difícil a equipa foi capaz de criar situações de golo e deveria ter saído com pontos. Devemos ser uma equipa com mais eficácia, é algo que faz parte do nosso trabalho diário. Muitas vezes dependemos de um momento ou outro de inspiração do jogador que está a concretizar. Esperamos que isso venha a ser resolvido na medida em que o campeonato vai correndo, esperamos que possa ser já no próximo jogo. Se 25 por cento das oportunidades que criamos derem em golo será fantástico.”

O técnico prometeu ainda uma equipa audaz: “A audácia tem de estar sempre dentro de nós, somos muito ambiciosos, isso respira-se no dia a dia do Vitória. Mas, essa audácia não nos pode levar a qualquer tipo de desequilíbrio defensivo. Temos de atacar com segurança, os equilíbrios defensivos é que dão o conforto necessário para se atacar bem. Todas as equipas requerem respeito e equilíbrio defensivo."


Marcações: Vitória Sport Clube, Luís Castro

Imprimir Email