Mónica Mindelis: artista plástica renova a imagem das escadas da PAC

 

A arte é controversa. Nem todos a interpretamos da mesma forma. Mas acho que podemos assumir que é necessária. Não é à toa que há obras a valer
verdadeiras fortunas. A arte urbana, vulgo grafiti, talvez tenha sido uma das últimas a aparecer, e ainda há quem nos dias de hoje a intitule de sarrabiscos, vandalismo e outros nomes menos próprios. Certo é que, apesar disso, tem ganho destaque e notoriedade, e várias cidades um pouco por todo o mundo já a utilizam para dar uma nova vida a espaços com uma aparência mais desleixada.

Guimarães é reconhecida pela sua forte ligação à cultura e o Município tem apostado em apontamentos aqui e ali, e também em actividades e iniciativas que visam dar visibilidade aos nossos artistas. O intuito é, sobretudo, o de valorizar a arte e, ao mesmo tempo, enriquecer o conhecimento dos vimaranenses e visitantes.
Estes projectos culturais servem também para embelezar a Cidade e torná-la ainda mais apelativa.

Recentemente a Zet Gallery, na pessoas da sua directora, Helena Mendes Pereira, lançou um desafio a vários artísticas para que estes mostrassem o seu talento emprestando os seus dotes de pintura ao espaço público. Em Guimarães a zona escolhida, foi a escadaria de acesso à Plataforma das Artes e da Criatividade.
A brasileira Mónica Mindelis foi a artista eleita para este trabalho que já está finalizado.

Veja as fotos da obra finalizada na BIGGERmagazine de Agosto e saiba mais sobre esta artista brasleira a viver em Portugal há 15 anos.

 


Marcações: pintura, escadas, PAC, monica mindelis, artista plastica

Imprimir Email