Atendimento diário nas consultas Covid-19 repartido entre Guimarães e Fafe

O Agrupamento de Centros de Saúde do Alto Ave anunciou mudanças no funcionamento do atendimento diário dos casos suspeitos de infecção com o novo coronavírus nas Áreas Dedicadas à Comunidade (ADC), criadas em Guimarães e em Fafe. As consultas continuam a ser asseguradas, mas passam a decorrer com horários divididos entre os dois espaços.

O Director do Agrupamento de Centros de Saúde do Alto Ave justificou a decisão com a diminuição da procura neste serviço que funciona todos os dias da semana. "Estamos a acompanhar a evolução da situação epidemiológica e chegamos a um período de equilíbrio, de modo que temos de adaptar a resposta dos nossos serviços para gerir recursos. As consultas de atendimento aos doentes suspeitos de Covid-19 têm funcionado, das 8h00 às 20h00, de segunda-feira a domingo. Mas, a partir desta semana, o serviço continuará a ser assegurado só que de forma repartida entre Guimarães e Fafe. No período da manhã, das 8h00 às 14h00, num local, e durante a tarde, das 14h00 às 20h00, no outro. Este processo será ajustado semanalmente para nos irmos adaptando e segurá garantido enquanto este tipo de consulta tiver procura", adiantou José Novais de Carvalho.

O responsável salientou que o serviço mantém-se para o atendimento dos doentes suspeitos, mas como o "movimento estabilizou" optou-se por dividir o atendimento entre a ADC de Guimarães, que funciona no edifício do Centro de Saúde da Amorosa, e a ADC de Fafe, que está a funcionar numa escola anexa ao Centro de Saúde de Fafe. "Esta segunda-feira, de manhã, fuincionou em Guimarães e de tarde em Fafe; terça-feira, de manhã será em Fafe e de tarde em Guimarães e assim sucessivamente", precisou, ao observar: "queremos que os utentes tenham garantido em cada dia e em cada hora a sua consulta, no entanto, o movimento diminuiu e tivemos de reorganizar os recursos".

"A esta consulta dirigem-se doentes por três vias: através da Linha SNS 24, por orientação do médico de família ou as pessoas que por sua iniciativa e em função dos sintomas que apresentam entendem que lá devem ir volntariamente. Como o movimento está a baixar, entendeu-se fazer este ajustamento no sentido de manter a consulta das 8h00 às 20h00. São consultas para manter enquanto se justificar", comentou Novais de Carvalho, ao sublinhar que a consulta continua a funcionar tanto em Guimarães como em Fafe, mas com o atendimento a ser dividido entre os dois serviços.

Desde o início do mês de Abril, as duas consultas nas Áreas Dedicadas à Comunidade do ACES do Alto Ave têm servido para proporcionar a avaliação e tratamento de doentes COVID-19. "Tem sido muito útil porque tem funcionado muito bem e têm servido de alternativa à deslocação ao Hospital. Tem sido uma aposta ganha porque oferecem a possibilidade de, em segurança, atender e observar os casos suspeitos de infecção", referiu o responsável, ao lembrar que as Áreas Dedicadas à Covid19 (ADC) atendem exclusivamente utentes com queixas respiratórias ou febre.


Marcações: consultas, ACES do Alto Ave, covid-19

Imprimir Email